Conselho de representantes da Faepe se reúne


Dirigentes de Sindicatos Rurais de todo o Estado, que representam os produtores pernambucanos, se reuniram na sede da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe), na segunda-feira (25), em Assembleia Ordinária da entidade, para aprovar as ações de 2017 e discutir demandas de interesse da categoria.

O encontro foi presidido pelo Dr. Pio Guerra, que na ocasião, apresentou uma série de iniciativas de apoio à classe produtora rural, que movimentaram o setor no ano passado. Entre elas: os debates para reestruturação produtiva do Semiárido discutidos no Fórum Permanente de Convivência Produtiva com as Secas; a identificação de alternativas que assegurem a implementação e o efetivo funcionamento das políticas hídricas, a realização de painéis de levantamentos de custos de produção junto aos produtores e uma explanação sobre o projeto Forrageiras para o Semiárido.

Além disso, o presidente apresentou um balanço dos cursos gratuitos de capacitação executados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Pernambuco (Senar/PE) – instituição vinculada à Faepe, que viabilizam a qualificação do produtor. Pio Guerra aproveitou para agradecer o envolvimento dos sindicatos na articulação dos treinamentos.

Em 2017, o Senar/PE capacitou mais de 16 mil pessoas, com a realização de 1.384 cursos, impulsionando as atividades produtivas de 108 municípios pernambucanos, a exemplo dos treinamentos nas áreas da cana-de-açúcar, pecuária, avicultura e fruticultura, entre outros. Vale ressaltar que, os números citados acima devem ser ampliados, uma vez que a instituição segue ampliando sua atuação já no em 2018.

Entre as deliberações, foram aprovadas a Ata da Assembleia Geral Extraordinária do Conselho de Representantes do exercício de 2017 e o parecer do Conselho Fiscal e da Prestação de Contas do exercício financeiro de 2017. “O conselho estabelecido pela Faepe é a instância máxima de gerenciamento das ações da entidade, além de um instrumento de integração para que o setor tenha cada vez mais voz e engajamento nos assuntos políticos e econômicos da classe produtora”, destacou Pio Guerra.

Agrinordeste 2018

Na ocasião, o coordenador do evento, Emmanuel Ferro, apresentou o projeto da 26ª edição, que acontece entre os dias 19 e 21 de outubro.  Entre as novidades de 2018, o Agrinordeste se apresentará em novo formato. Pela primeira vez, o evento – que é o maior evento agropecuário indoor do Nordeste, terá 250 estandes de produtos e serviços agropecuários, distribuídos em uma área de 6.900 m², no Pavilhão de Feiras do Centro de Convenções de Pernambuco.

Seminário, Feira de Produtos do Campo, Show de Lácteos, Sabor do Campo, Arena Agrinordeste, Desfile de Moda Country, juntamente com a 1ª Expo Avícola do Nordeste e a 6ª Feria dos Produtores de Cana do Nordeste – Norcana, que serão conduzidas pela Associação Avícola de Pernambuco – Avipe, Associação dos Fornecedores de Cana de Pernambuco – AFCP e Sindicato dos Cultivadores de Cana-de-Açúcar – Sindicape, são os principais atrativo do novo Agrinordeste.

Presidente do Sindicato rural de Buíque, Yolanda de Barros, destacou que, com essa iniciativa, a Faepe contribui significativamente para uma agropecuária pernambucana mais competitiva. “O Agrinordeste expõe os fatos que são fundamentais para o desenvolvimento das cadeias produtivas de Pernambuco”, afirmou.

Além do presidente da Faepe, participaram também da reunião os presidentes dos seguintes Sindicatos Rurais: Belém do São Francisco, Bonito, Buíque, Cabrobó, Canhotinho, Cultivadores de Cana, Frei Miguelinho, Garanhuns, Igarassu, Inajá, Manari, Machados, Ouricuri, Palmerina, Parnamirim, Pesqueira, Petrolina, Pedra, Sanharó, Santa Maria da Boa Vista, Serra Talhada, Sertânia, Salgueiro, Vertentes e Vicência.